Céad mille fáilte!

CONSULTA DO ORÁCULO

Pesquisa
Menu Principal
LIVRO

BRUMAS DO TEMPO
Poesias, pensamento e ritos druídicos - livro na versão impresso ou e-book.

Informações: clique aqui.
Links

Agradecimentos:
Aon Celtic Art
Licença Creative Commons


Parshell de Samhain

Enviado em 29/04/2009 (2632 leituras)

As celebrações por ocasião do Samhain ao todo reunia 03 dias, iniciando ao pôr-do-Sol do dia 31 de Outubro e finalizando no amanhecer do dia 02 de Novembro. Entre tantas cerimônias realizadas a mais marcante se traduzia na confecção de uma espécie de um pequeno ´talismã´, chamado de Parshell, a ser colocado estrategicamente na entrada de cada lar céltico.

Curiosamente se formos analisar comparativamente os costumes de outros povos vemos que não eram os celtas a única cultura a usar este tipo de objeto, onde por mais variação de forma e finalidade tivesse o objeto de fundo a intenção era criar uma espécie de ´´proteção mágica ´´ sobre a família e sua casa.

No caso dos celtas, o Parshell, era uma pequena cruz feita de madeira e amarrada ao centro com palha que era pendurada na porta de casa que lá ficava até o Samhain do ano seguinte quando solenemente era retirado após falar e queimado numa das fogueiras acessas no alto das colinas mais próximas.

Se por curiosidade você deseja ter seu Parshell, eis a receita:

1- Em primeiro lugar tenha em mãos o seguinte: duas varetas de não mais que 60 cm de comprimento (tipo daquelas usadas como espeto de churrasquinho) cerca de 01 cm de diâmetro de palha ou fita.

2 - Entrelace a palha ou fita ao redor do centro da cruz formada pela duas varetas cruzadas até que apenas sobre cerca de 10 cm da vareta expostos em cada extremidade de modo que o objeto tenha a forma da figura abaixo:


Na prática todo este ato cerimonial calava ao fundo d´alma celta e mesmo servia para pela fé acumulassem forças para enfrentar dias piores que no caso não tardariam em chegar por conta do Inverno.

Assim, todo este ritual de ir colher os gravetos, desfiar a palha em fios e etc tinha uma função enormemente catártica já que tudo era realizado com toda pompa e circunstancia na idéia de que um instrumento de poder estava ali sendo criado e de certa forma era verdade na medida em que intimamente perspectivas sombrias eram afastadas da mente.

Por Ioldanach
Ioldanach se define como auto-didata e celtista amador que tem como linha de pesquisa tratar o assunto de maneira objetiva e da forma mais científica possível.

Blog Canal Celta:
www.celta.cjb.net
E-mail:
Lughnassa@gmail.com

Para ler os artigos de Ioldanach, clique aqui.
Direitos Autorais
A violação de direitos autorais é crime: Lei Federal n° 9.610, de 19.02.98. Todos os direitos reservados ao site Templo de Avalon e seus respectivos autores. Solicitações para reprodução devem ser feitas por e-mail. Ao compartilhar um artigo, cite a fonte e o autor. Obrigado!

Comentários:

Fáilte... Cadastre-se para comentar | Login

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Go raibh maith agat... Obrigado!