Limpeza Xamânica

As limpezas xamânicas tem por objetivo curar, purificar, renovar e equilibrar o nosso corpo físico, mental e espiritual, bem como, o próprio ambiente onde são feitas, conectando-nos aos planos mais sutis. 

 A limpeza xamânica divide-se em quatro etapas:  

- Preparação
- Purificação
- Consagração
- Preservação

Preparação:

Você deve ter uma intenção clara:
- Qual o objetivo da limpeza?
- Quais os resultados que deseja?
- O que irá ofertar em troca?

Após defini-los, escreva e confirme seus objetivos:

Por exemplo:
1. Objetivo da limpeza: casa próspera e tranquila.
2. Resultados desejados: harmonia nas relações familiares e prosperidade para os moradores.
3. Oferta: uma oferenda específica, que pode ser um alimento, uma poesia ou uma devoção.

Purificação:

Para desbloquear e energizar os pontos dos aposentos. A energia estagnada está nos cantos da casa, onde há pessoas doentes, pensamentos negativos e emanações de objetos não adequados ao local.

1. Convide e faça orações aos Deuses de sua devoção. Imagine uma luz branca a sua volta.

2. Antes de começar a limpeza, deixe que o ambiente transmita a sua mensagem.

3. Na entrada da casa, mentalize o objetivo e mentalmente diga sua intenção.

4. Respire profundamente e sinta a energia fluindo através de você.

5. Circule no aposento iniciando pelo Norte. Use um pêndulo e verifique a energia do local. Limpe todo o lugar com um sino, chocalho, pena, incenso, sálvia, água e/ou tambor.

6. Observe com atenção os nichos, armários e cantos da casa. Quando o cômodo estiver limpo, você perceberá as cores mais brilhantes, os sons mais claros, a respiração mais fácil e uma sensação de leveza.

7. Ao final da limpeza, respire fundo e fique atento às energias que circulam ao seu redor.

Consagração:

Bênçãos para a casa, consagração do lar e dos objetos.

1. Conecte-se com os elementos naturais para trazerem a energia do propósito ao local.

2. Percorra a casa toda e comunique o seu objetivo em cada cômodo percorrido. Mantenha todas as portas e janelas abertas abençoando todos os cantos.

3. Ao terminar, faça uma oração de agradecimento.

Preservação:

Para manter e assegurar os campos de energia equilibrados, protegidos e energizados.

1. Cristais: drusas, quartzo fumê, turmalina negra e ametista para proteção do ambiente.

2. Totens: chame o seu animal de poder para lhe ajudar a perceber os campos energéticos.

3. Preces: orações sutilizam a frequência do local, aumentando o padrão vibracional.

4. Objetos sagrados: eles podem ser espalhados em vários pontos da casa.

5. Objetos feitos à mão: artesanatos feitos por pessoas com boa energia e consagrados.

6. Objetos naturais: objetos que representam os elementos como conchas, flores, plantas, etc.

7. Lembre-se de comunicar e consagrar os objetos com a energia do seu propósito.

Preparação física e espiritual para a limpeza:

- Dia anterior à limpeza: Decida os métodos que utilizará. Faça uma faxina geral na casa.

- Noite anterior: Opte por uma comida leve ou jejum. Prepare os utensílios que vai usar defumando-os ou expondo-os ao Sol. Antes de dormir, peça aos Deuses e Ancestrais, que o prepare em seus sonhos.

- No dia da limpeza: ao nascer do sol, início da manhã, medite pedindo auxílio aos seus guias pessoais. Visualize cada cômodo a ser limpo e purificado, a cerimônia concluída, a casa radiante e luminosa.

- Depois da limpeza: Tome um banho de ervas. Vista roupas claras e fique descalço. Alongue cada parte do corpo, deixando que a energia circule. Beba bastante água.

Limpezas rápidas:

Ar: queimar sálvia branca ou palo santo.
Água: recipiente com água e um galho de arruda, alecrim ou louro.
Cristais: turmalina negra, quartzo fumê ou ônix.
Fogo: uma vela.
Terra: sal grosso.
Procedimento: Acenda a vela e faça uma oração, coloque o sal em um copo próximo da porta de entrada, use os cristais durante a limpeza e percorra a casa toda defumando-a. Termine espargindo a água com o galho da erva escolhida.

Estimulando a energia:

Ar: Penas, tambor, chocalho.
Água: Água mineral ou energizada para espargir.
Fogo: Incenso de sálvia.
Terra: Sal grosso.

Procedimento: Coloque sal em cada canto com uma prece e defume a sálvia com a pena, no sentido anti-horário. Toque o tambor, chocalho ou sino e borrife a água no sentido horário.

Criando um campo de proteção:

Ar: uma pena e sálvia branca.
Água: água lunarizada na lua cheia.
Fogo: velas brancas.
Terra: 4 cristais brancos.

Procedimento: Acenda a vela, defume o espaço com sálvia e abane com a pena, coloque os cristais nos 4 cômodos da casa para criar uma proteção. Borrife com a água da lua cheia.

Limpeza sem acessórios:

Faça uma faxina. Abra portas e janelas. Tire fotos e pinturas tristes. Livre-se de objetos que não usa mais, plantas mortas e objetos quebrados. Acenda uma vela, jogue sal nos cantos da casa. Coloque uma música tranquila, em seguida use um aroma ou borrife um perfume suave em todos os cômodos. Coloque flores frescas nos ambientes. Encerre fazendo uma oração e visualize toda a casa iluminada.

Periodicidade da limpeza:

Toda a casa: 1 a 2 vezes por ano, no mínimo. Preferencialmente, duas semanas antes dos solstícios. Limpeza leve: 1 vez por mês, quando desejar mudar algo na sua vida, depois de uma doença, hóspede difícil, experiência negativa ou caso sinta-se cansado e esgotado sem motivo aparente.

Acessórios de apoio:

- Pêndulo.
- Penas de pássaros.
- Sálvia ou palo santo para defumar.
- Incenso de lavanda ou cânfora.
- Sal grosso, Carvão, Alho.
- Água do mar, água mineral, água de rosas, água energizada (cristais), solarizada ou lunarizada.
- Aromatizador de ambiente com óleos essenciais.
- Chocalho, Tambor, Sinos.
- Cachimbo, Cristais, Velas.
- Ervas: sálvia, arruda, manjericão, alecrim e louro.

Fonte bibliográfica:
Adaptação do livro
Espaço Sagrado de Denise Linn


Templo de Avalon

http://www.templodeavalon.com/modules/mastop_publish/?tac=Limpeza_Xam%E2nica