Céad mille fáilte!

CONSULTA DO ORÁCULO

Pesquisa
Menu Principal
LIVRO

BRUMAS DO TEMPO
Poesias, pensamento e ritos druídicos - livro na versão impresso ou e-book.
Vendas: clique aqui.
Links

Agradecimentos:
Aon Celtic Art
Licença Creative Commons

SmartSection is developed by The SmartFactory (http://www.smartfactory.ca), a division of INBOX Solutions (http://inboxinternational.com)

Linha do Tempo até os Celtas

Publicado por Rowena em 15/1/2011 (3827 leituras)

Para facilitar os estudos, a seguir, uma breve cronologia da história dos povos antigos da Europa, com a chegada dos proto-celtas até os celtas, propriamente ditos. Pesquisa: Encyclopedia Britannica Online.

- 10.000 aC: Neolítico (Pedra Nova ou Idade da Pedra Polida) - Período de fixação dos seres na Europa.

- 5000 aC: O Período Neolítico começa nas ilhas britânicas com as primeiras evidências de agricultura e o aparecimento de machados de pedra, pentes de chifre e cerâmicas de uso comum.

- 4500 a 2500 aC: Cultura Kurgan, palavra russa - de origem turca - que significa "monte funerário".

- 4000 aC: Construção do "Sweet Track" (nome de seu descobridor, Ray Sweet), passarelas de madeira que foram construídos nesta época fornecendo uma maneira de percorrer as áreas pantanosas de Somerset, perto de Glastonbury, onde as primeiras comunidades aparecem em Hembury, Devon.

- 3500 a 3000 aC: Primeira aparição de suínos e câmaras mortuárias, em Hambledon Hill (Dorset), o rito do enterro primitivo conhecido como "exposição de cadáver", praticado onde os corpos eram deixados ao ar livre para se decompor ou ser consumido por animais e pássaros.

- 3000 a 2500 aC: "Castlerigg Stone Circle" (Círculo de Pedras de Cumbria), um dos monumentos mais antigos e pré-históricos da Grã-Bretanha, conhecido como "o monte no bosque escuro."

- 2500 aC: Aparecimento dos túmulos multi-câmara, ou seja, "West Kennet Long Barrow" e a primeira aparição de "henge" - monumentos de pedras ou megalítos - em construções funerárias, iniciada em Silbury Hill.

- 2500 a 1500 aC: A maioria dos círculos de pedra, nas ilhas britânicas, são erguidas durante este período, o objetivo dos círculos é incerto, embora a maioria dos especialistas especulem que eles fosse usados para rituais religiosos e observações astronômicas.

- 2300 aC: Período onde são erguidos vários círculos de pedra na Inglaterra, em Avebury.

- 2300 a1400 aC: A cultura "Corded Ware" caracteriza-se pela decoração das cerâmicas e dos formatos dos machados para batalha.

- 2.100 aC: Início da "Idade do Bronze".

- 2000 aC: Os objetos de metal são amplamente fabricados na Inglaterra nessa época, antes do cobre com arsênico e estanho, evidenciado no uso de pinos e prendedores de tecidos. Stonehenge é finalizado com a construção do anel interno de arenitos azuis.

- 1800 a 1200 aC: O controle da sociedade passa dos sacerdotes para aqueles que controlam a fabricação de objetos de metal.

- 1500 aC: Casas e campos são murados em Dartmoor (Devon) e nas terras altas de Gales. Círculos de pedra parecem cair em desuso, talvez devido a uma reorientação religiosa. Túmulos deixaram de ser construídos e os enterros são feitos perto dos círculos ou em cemitérios planos.

- 1500 a 1300 aC: Cultura de "Unetice" ou período das Tumbas Reais.

- 1300 a 700 aC: Surgimento das classe de guerreiros que começa a ter um papel central na sociedade. Alguns acreditam que essas pessoas são os "proto-celtas", conhecidos como a "Cultura dos Campos de Urnas", por causa do costume de cremar os mortos e colocar suas cinzas em urnas.

- 1300 aC: Os proto-celtas chegam a Espanha.

- 1200 aC: Culturas proto-celtas e celtas chegam a Gália.

- 1000 aC: Começam a aparecer fazendas fortificadas e uma crescente sofisticação das artes e dos ofícios, principalmente, na ornamentação pessoal e no uso decorativo dos animais.

- 800 a 600 aC: O ferro substitui o bronze, começa a "Idade do Ferro" com a "Cultura de Hallstatt".

- 600 aC: Nova invasão celta à Espanha.

- 600 aC: Começa a construção de "Old Sarum", início do povoamento de Salisbury, na Inglaterra.

- 500 aC: Propagação dos costumes celtas e seus artefatos na Grã-Bretanha (Reino Unido), com os mais variados tipos de cerâmicas, além da sua aplicação na decoração e nas jóias. Surgem os Druidas, a classe intelectual dos celtas, que começa a florescer pela região.

- 450 aC: As tribos celtas vão para a Itália.

- 450 a 300 aC: Início da "Cultura La Tène".

- 280 aC: Os celtas chegam à Península Balcânica e a Ásia Menor.

- 150 aC: A cunhagem de metal entra em uso e o contato com o continente é generalizada.

- 100 aC: Surge "Carn Euny" (Cornualha), uma aldeia da Idade de Ferro com o encravamento de passagens subterrâneas ou casas-pátio de pedra, eventualmente, para o armazenamento ou defesa.

- 133 aC: A Espanha é conquistada por Roma.

- 50 aC: A Gália é conquistada por Roma.

- 43 aC: Os romanos conquistam a Grã-Bretanha e maior parte do território celta.

- 25 aC: A Galácia (Ásia Menor) foi conquistada por Roma.

- Séc. I dC: A cultura celta manteve-se relativamente preservada na Bretanha, Cornualha, Galícia, País de Gales, Escócia, Ilha Man e Irlanda.

Bênçãos plenas do Céu, da Terra e do Mar!

Rowena Arnehoy Seneween ®
Pesquisadora da Cultura Celta e do Druidismo.

Website:
www.templodeavalon.com
Brumas do Tempo:
www.brumasdotempo.blogspot.com
Três Reinos Celtas:
www.tresreinosceltas.blogspot.com
E-mail:
rowena@templodeavalon.com

Veja em artigo em formato PDF Imprimir artigo Enviar artigo
0 Comentário(s)

Direitos Autorais

A violação de direitos autorais é crime: Lei Federal n° 9.610, de 19.02.98. Todos os direitos reservados ao site Templo de Avalon e seus respectivos autores. Ao compartilhar um artigo, cite a fonte e o autor. Referências bibliográficas e endereços de sites, usados na pesquisa dos artigos, clique aqui.


Navegue pelos artigos
Artigo prévio Livros e Sites Abordagens gerais sobre o Druidismo Próximo artigo
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Artigos do Site
Para o proveito daqueles que não estão familiarizados com o que fazemos na ordem ADF - Ár nDraíocht Féin, permitam-me explicar rapidamente nossa cosmologia e o que esperamos alcançar em nosso ritual.
O Ogham é um alfabeto oracular, de origem celta, encontrado na Irlanda e Grã-Bretanha. O nome das letras ogâmicas é "fid" (singular) e "feda" (plural) em irlandês antigo. No irlandês moderno são: "fiodh" e "feadha" - que são palavras traduzidas como "madeira" e "bosque".
A meditação é fundamental ao autoconhecimento, no aprofundamento do caminho druídico e no contato com o divino, para alcançarmos o equilíbrio físico, mental e espiritual.

Go raibh maith agat... Obrigado!