20. Teixo (Idad/Yew = I)

Publicado por Rowena em 13/8/2013 (9439 leituras)

O Teixo simboliza o conhecimento duradouro, a herança ancestral, o fim e o renascimento. É considerada a árvore da experiência, associada a Samhain. Encontrado em cemitérios e igrejas, a sua associação com a morte torna-se um símbolo vivo da mortalidade. Presságio: aquilo que perdura além do tempo.

Representa a árvore da vida eterna e da regeneração. As bagas do Teixo são conhecidas por serem venenosas para os seres humanos e para muitos animais, embora sejam uma fonte de alimento para algumas espécies de pássaros. O Teixo também está associado às fadas e ao portal do Outro Mundo.

Além de explorar a botânica e suas reflexões contemporâneas, estude o folclore e os mitos relacionados a esta árvore. Boa leitura!

Rowena Ferch Aranrot ®
Pesquisadora da Cultura Celta e do Druidismo.
(Texto atualizado em 28/02/2024)


I, Idad, Iodhadh  >+++++<
Teixo - A Árvore do Tempo

Pronúncia: Ee-yah
Tradução: Teixo
Nome científico: Taxus Braccata
Irlandês: Iúir
Galês: Ywen
Inglês: Yew
Significados básicos: Conhecimento ancestral, tradição e renascimento.
Classe: Chefe
Cor: Irfind, "muito branco"

Bríatharogaim:

Bríatharogam Maic ind Óc
Iodhadh: caínem sen, "o mais justo dos antigos"

Bríatharogam Con Culainn
Iodhadh: lúth lobair (?), "energia do doente" (?)

Bríatharogam Morainn mac Moín
Iodhadh: sinem fedo, "árvore mais antiga"

Comentários:


Iodhadh é o Teixo. A árvore da longevidade associada à ancestralidade. Quando o tronco se torna velho e oco, representa a porta de entrada para o submundo ou para o Outro Mundo. Árvore forte e de grande durabilidade, ela era usada para fazer arcos longos, flechas e amuletos pela facilidade de ser esculpida. Por ser considerada a mais antiga da floresta, os irlandeses chamavam o Teixo de caixão da vinha, pois os barris eram feitos da sua madeira; acreditava-se que suas propriedades aumentavam os dons proféticos do vinho. O Teixo está associado a vários mitos irlandeses. Simboliza as experiências adquiridas durante a vida.

Frase de ligação ao Ogham: “O domínio da morte e da reencarnação. A imortalidade da alma.”

Palavras-chave & Augúrios


Mensagem: vida longa, sabedoria que vem com a idade, transição, portal para o Outro Mundo. Morte, dor e estagnação.

Augúrios: morte e términos, comungar com os mortos e os ancestrais, aprender com o passado, renascimento. Veneno, cólera e destruição.

Coirí Filidechta - Os Caldeirões da Poesia


  1. Coire Goiriath (Caldeirão do Aquecimento), físico: algo que foi mantido por muitos anos e deve ser passado adiante. Deixe que se vá, solte. Não serve mais para você.

  2. Coire Érmai (Caldeirão do Movimento), emocional/mental: o conhecimento de que nada dura para sempre vai trazer a tranquilidade para você neste momento.

  3. Coire Sois (Caldeirão da Sabedoria), espiritual: mudanças estão chegando para você. Você tem uma tendência de experimentar as coisas e agarrar-se. Deixe que passem e experimente apenas a mudança como uma aliada, não como uma inimiga.

Baseado nos textos de Bellouesus Isarnos
Considera-te recepcionado, com meus votos de encontrares aqui algo que desperte teu interesse ou que não te entedie.

Nemeton Beleni:
https://nemetonbeleni.wordpress.com

Navegue pelos artigos
Artigo prvio 19. Choupo (Edad/Aspen = E) Família: Aicme na Forfeda Prximo artigo
Direitos Autorais

A violação de direitos autorais é crime: Lei Federal n° 9.610, de 19.02.98. Todos os direitos reservados ao site Templo de Avalon e seus respectivos autores. Ao compartilhar um artigo, cite a fonte e o autor. Referências bibliográficas e endereços de sites consultados na pesquisa, clique aqui.

"Três velas que iluminam a escuridão: Verdade,
Natureza e Conhecimento." Tríade irlandesa.